Ouça as Rádios
Três Lagoas
Atendente informou que número pertence a uma peixaria em Campo GrandeAtendente informou que número pertence a uma peixaria em Campo Grande - Hugo Leal/JPNEWS

ESTELIONATO

Polícia liga para número de suspeito que usou nome de prefeito

Secretário de Administração Pública registra boletim de ocorrência contra possível estelionatário

Por André Barbosa 12 OUT2017-16h:28

Investigadores da Polícia Civil de Três Lagoas ligaram para o número de telefone que, supostamente, estaria sendo utilizado para pedir dinheiro em nome do prefeito Angelo Guerreiro (PSDB), na manhã de quarta-feira (11). O atendente teria ficado nervoso e informado ainda, ser de uma peixaria em Campo Grande. A ação ocorreu após o secretário Municipal de Administração da Prefeitura, Gilmar Araújo Tabone registrar um boletim de ocorrência na Delegacia do município.

No B.O, Tabone afirma que teria tomado conhecimento na quarta-feira, através de Daynler Martins Leonel Secretário Municipal de Governo e Políticas Públicas, que uma pessoa usando o nome do prefeito, estaria ligando para os fornecedores da Prefeitura e pedindo doação para o Dia das Crianças.

“A pessoa ligou no telefone fixo de duas empresas, pedido para falar com os donos. Caso o depósito de doação fosse confirmado, era para depositado na conta corrente, agência 2141 na Caixa Econômica Federal, e posteriormente ligar para um número com código local e falar com o ‘Silvio’, Diretor de Obras da Prefeitura, para confirmação do depósito”, informa o B.O..

Tabone afirmou aos policiais, que Angelo Guerreiro não teria autorizado nenhuma campanha para pedir doação sem nome para o dia das crianças, e que também ‘Silvio’ não pertenceria o quadro de servidores da Prefeitura, e tampouco o conhecia.

No plantão, o investigador ligou para o número fornecido e uma pessoa do sexo masculino atendeu, informando que o celular era dele e, somente ele faz uso, dizendo que tem peixaria em Campo Grande. Ainda, que desconhecia a ligação. Ficou muito nervoso quando soube o que estava acontecendo, e desligou em seguida, sem querer se identificar.

Leia Também

Newsletter

Receba conteúdos exclusivos no e-mail.